18 de maio de 2021

Em prova de arrancada, ninguém segura motor com MILITEC 1

Hoje você vai conhecer a história de Vilmar Comelli, ou “Italiano”, um homem apaixonado por carros e por velocidade que dedicou mais de 30 anos da sua vida a preparar motores, pilotar carros e ganhar troféus em campeonatos de arrancadas pelo Brasil. O segredo do sucesso? Trabalho, dedicação e conhecimento aliado a um produto revolucionário, que é o MILITEC 1.

“Fui campeão paranaense, paulista e brasileiro e bati recordes. Em todos os motores que eu montava, usava MILITEC 1”, lembra Vilmar. O sotaque não deixa dúvidas: catarinense, bisneto de cidadãos de Pádua, na região do Veneto, no norte da Itália, e radicado em Curitiba (PR) há quase 40 anos, ele é uma referência na preparação de carros que buscam performance, e, na sua receita de motores potentes, MILITEC 1 é regra.

Antes de continuar, cabe uma pergunta: você sabe o que é MILITEC 1?

Ele é o primeiro e melhor condicionador de metais. É o que protege o seu motor de verdade: traz economia de combustível, aumenta a potência, reduz o desgaste, a vibração e o ruído do motor e ainda auxilia na preservação do meio ambiente, pois reduz em até 70% os gases poluentes.        

O MILITEC 1 usa o óleo lubrificante aplicado nos motores para alcançar as superfícies de metal e as regiões de calor mais intenso na parte interna do equipamento. Quando chega lá e se separa do óleo, as moléculas do produto vão para a superfície metálica. Isso acontece quando a temperatura está entre 38 °C e 66 °C, mas pode variar de acordo com as condições de carga e atrito.

Essa reação, assim que é concluída, torna a superfície cerca de 17 vezes mais resistente. Então, enquanto amplia a resistência da superfície metálica, o MILITEC 1 reduz também o atrito que acontece entre os metais, diminuindo o desgaste do motor. Ou seja, se você procura algum produto que melhore a qualidade e a resistência do motor do seu carro, esse produto é o MILITEC 1.

Para isso, use o MILITEC 1 na proporção de um frasco de 200 ml para motores de carros com até quatro litros de óleo lubrificante. Reaplique o produto a cada 20.000 km, independente da troca de óleo. Se o uso do veículo for severo, diminua o período de reaplicação pela metade. Se você quiser mais informações sobre o produto e sua utilidade, acesse aqui.

Agora que você já sabe o que é o MILITEC 1 e para que serve, a história do Italiano vai fazer ainda mais sentido.

“Fiz muito motor de arrancada, sempre usando MILITEC 1”, conta sobre o tempo em que preparava motores e carros para participar dos tradicionais campeonatos da modalidade em autódromos do Paraná e do resto do país.

Em uma prova da modalidade, dois carros são alinhados lado a lado em uma reta. Essa reta geralmente tem 402 metros, mas também pode ter 201 metros, dependendo da localidade. Eles saem da total imobilidade para disputar quem faz a distância no menor tempo possível. Tudo é feito com segurança, geralmente em autódromos, com trechos rapidamente adaptados para esse tipo de competição. Os amantes do ronco dos motores e de velocidade se divertem. Para esse tipo de prova, os motores precisam ser preparados, como se faz em uma corrida de circuito completo – e, nesse assunto, o Italiano é mestre.

Muita potência nas pistas

Os carros de Vilmar deixavam os outros para trás em competições como as encontradas no Festival Força Livre, realizado durante quase duas décadas no Autódromo Internacional de Curitiba, e em outros eventos. “Meu Gol turbo 1989, com 1,8 kg de turbo, fazia 400 metros em 13,64 segundos”, recorda. “A minha Saveiro 1993, com 2,2 kg de turbo, mecânica completa, ar-condicionado, motor montado com MILITEC 1, virava 13,65 nos mesmos 400 metros”, celebra.

Outro carro memorável para Italiano foi seu minidragster de gaiola tubular. Segundo ele, com MILITEC 1 no motor, fazia 400 metros em 10,67 segundos. O dragster de Maurício de Barba, um dos pilotos da sua equipe Italiano Competições – nome também de sua oficina mecânica fundada em 1988 em Curitiba –, foi recordista e campeão brasileiro de arrancadas fazendo a mesma distância em 13,65 segundos. Com MILITEC 1 no motor, claro.

Post Instagram minidragster e troféus

Italiano lembra que os motores que montava e que recebiam MILITEC 1 não quebravam e que por isso também sempre ofereceu o produto aos donos dos carros nos quais instalava os kits de turbo. “Nunca tive problema algum com ele. O produto ajuda muito no desempenho do motor. É muito bom”, diz. Usando o MILITEC 1, venceu campeonatos no Paraná e em São Paulo e também edições nacionais.

Na Italiano Competições, sua oficina no centro de Curitiba, contabiliza 113 troféus, obtidos tanto como piloto quanto como preparador de motores e chefe de equipe. Entre 1990 e 2008, calcula ter participado de mais de 120 provas. Italiano se especializou em reprogramação de software de motores, ou remap de injeção eletrônica, e soma mais de 10 mil clientes em sua carteira, a maior parte proprietários de carros de passeio. Para todos eles, indica MILITEC 1.

Vídeo de teste de motor de um carro feito na oficina:

“Os clientes costumam dizer que o MILITEC 1 é maravilhoso, que usam constantemente”, afirma. “Quem conhece sabe que o produto é de qualidade e cumpre o que promete”. Com um histórico como esse e a experiência de quem está há mais de 30 anos no ramo automotivo, não há como negar.

Então, se você procura melhorar o desempenho do seu carro e aumentar a resistência do motor, MILITEC 1 é o melhor produto disponível no mercado. A palavra é de quem entende de motor e que comprovou na prática os resultados de MILITEC 1. Os troféus do Italiano não deixam dúvida.

Mas temos muitos outros fãs. Há bastante gente de peso que atesta os resultados e que, como nos mostrou o Italiano, não sai com o carro se não tiver a proteção do MILITEC 1.  

Quer saber onde comprar MILITEC 1? Acesse aqui para encontrar um distribuidor na sua região.

1 Comentário

  1. Andre Luiz Braga de Almeida disse:

    Gaiola foguete da Nasa 🙂

    4

Deixe o seu comentário!