1 de outubro de 2021

Temporada 2021 da GT Sprint Race entra na reta final e inaugura o autódromo Potenza

Sétima etapa será disputada neste fim de semana (1 a 3 de outubro), em Lima Duarte (MG), com a definição dos campeões da Special Edition

A 10ª edição do GT Sprint Race entra na sua fase decisiva e começa a definir os campeões da temporada 2021. A etapa deste fim de semana, de 1 a 3 de outubro, fecha o minitorneio da Special Edition e também marca a inauguração oficial do Autódromo Potenza, em Lima Duarte (MG), para uma modalidade de Gran Turismo. A programação será dividida com a Copa Truck e a Copa HB20, sem a presença de público.

A Special Edition 2021, que ocorre simultânea ao campeonato principal da categoria, acontece no formato de minitorneio, com três etapas no ano, duas delas já disputadas – Goiânia (GO) e Tarumã (RS) –, e com três corridas a cada fim de semana.

O sistema de classificação segue um regulamento ao estilo australiano, com um único treino classificatório que definirá o grid das duas primeiras corridas, e a soma de resultados dessas provas consolida a ordem de largada da corrida final (veja a programação completa no fim da matéria).

As máquinas da modalidade usam bolhas do Chevrolet Camaro e do Ford Mustang.

Confira os três primeiros colocados em cada classe:

AM
1) #72 Giovani Girotto (PR) – 101 pontos
2) #17 Walter Lester (SP) – 94
3) #4 Leandro Parizotto (SP)/Cassio Cortes (RS) – 48

PRO
1) #03 Thiago Camilo/Pedro Ferro (SP) – 122 pontos
2) #19 Nathan Brito (PB) – 117
3) #25 Sergio Ramalho/Dudu Trindade (PE) – 112

PROAM
1) #35 Pedro Aizza (PR) – 142 pontos
2) #793 Adalberto Baptista (SP) – 99
3) #161 Antonio Junqueira/Pedro Costa (SP) – 89

Autódromo Potenza estilo arena

Os pilotos vão duelar numa pista de 3.200 metros de extensão, correndo no sentido anti-horário. O traçado possui 14 curvas, sendo que a reta principal mede 450 metros e a reta oposta, 650 metros.

O circuito Potenza é o único autódromo do país em formato de arena, com vista para todo o traçado, permitindo que os visitantes acompanhem todas as disputas na pista. O mais novo circuito brasileiro fica na cidade de Lima Duarte, a 50 km de Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira, sudeste do estado.

O Autódromo Potenza fica em Lima Duarte, na região da Zona da Mata mineira, próximo a Juiz de Fora.

Máquinas de 300 cv

Usando bolhas do Chevrolet Camaro e do Ford Mustang, as máquinas da GT Sprint Race têm dimensões semelhantes aos modelos originais de fábrica. Elas trazem o conceito de cockpit, no qual o piloto fica sentado no meio do carro.

“O piloto posicionado ao centro ajuda no distanciamento dos impactos em “T”. Ele fica longe das laterais e garante maior segurança”, destaca Thiago Marques, CEO da GT Sprint Race. “Sem contar que distribui melhor o peso e assegura maior equilíbrio, ponto este que sempre foi inquestionável por qualquer piloto que já teve a possibilidade de dirigir um dos carros da categoria”, complementa.

O chassi é tubular de aço inox e tem peso total de 1.000 kg. O motor V6 de 3.6 litros despeja 300 cv de potência e tem um torque de 40 kg. O câmbio é sequencial, de seis marchas, com powershift e paddle shift (borboleta atrás do volante). Os modelos têm dimensões semelhantes aos carros originais de fábrica. 

A GT Sprint Race divide o fim de semana com a Copa Truck e a Copa HB20.

Entenda como são divididas as classes:

PRO – reúne pilotos profissionais. Podem se inscrever competidores até 27 anos; provenientes do kart nas categorias Graduados e Shifter; e pilotos com superlicença ou com carteira máster até 59 anos.

AM – pilotos ou duplas acima de 27 anos; convidados pelo promotor sem a intenção de participar do campeonato; e com passagem pelo kartismo nacional sem terem participado da categoria Graduados ou Shifter.

PROAM – misto das duas categorias, na qual disputam pilotos ou duplas acima dos 27 anos e com vivência no automobilismo; pilotos com título ou vice-campeonato na Sprint Race; acima de 27 anos com títulos nacionais; com carteira máster ou superlicença acima de 59 anos.

Embora disputem categorias diferentes, todos os pilotos correm em par de igualdade, com o mesmo equipamento e preparados pela mesma equipe, o que garante o equilíbrio e a durabilidade do equipamento.

As equipes são subsidiadas pelos patrocinadores do evento, no caso a Pirelli e a MILITEC Brasil, com apoio da TecPads, Fremax, Tekbond e Gold Springs.

A temporada da GT Sprint Race ainda tem a disputa do Campeonato Nacional, dividido em seis etapas.

São 30 pilotos no grid, dirigindo um carro de motor V6 e 300 cv de potência.

A GT Sprint Race tem transmissão ao vivo no canal oficial da Sprint Race no YouTube, no canal do YouTube do programa Acelerados , no site Motorsport.com e na TV, no BandSports.

Programação GT Sprint Race | Special Edition – Etapa Potenza (MG)

Sexta-feira (1º)
12h às 12h45 – Treino extra
15h às 15h45 – Treino oficial 1

Sábado (2)
8h45 às 9h30 – Treino oficial 2
13h às 13h45 – Treino classificatório – (2 voltas rápidas por carro)
16h – Corrida 1

Domingo (3)
8h às 8h15 – Warm Up
9h – Corrida 2
12h – Corrida 3

O autódromo de Curitiba é palco de duas etapas da Sprint Race, uma delas fechando a temporada 2021.

Calendário GT Sprint Race 2021

1ª etapa (2/5): Velocitta – Mogi Guaçu/SP (Nacional)
2ª etapa (23/5): Goiânia/GO (Special Edition)
3ª etapa (27/6): Interlagos/SP (Nacional)
4ª etapa (18/7): Cascavel/PR (Nacional)
5ª etapa (15/8): Tarumã/RS (Special Edition)
6ª etapa (5/9): Curitiba/PR (Nacional)
7ª etapa (3/10): Lima Duarte/MG (Special Edition)
8ª etapa (30/10): Londrina/PR (Nacional)
9ª etapa (5/12): Curitiba/PR (Nacional)

0 Comentários

Deixe o seu comentário!